Alessandra Martins

Alessandra Martins é educadora, especialista em História e Cultura Afro-brasileira e Indígena, poeta, escritora e ativista social. Nasceu no dia 2 de julho de 1985, em Duque de Caxias, Rio de Janeiro. Escrevendo desde a infância, sua primeira poesia, "Estrelinda", foi apresentada ao público em 1998, por meio de um concurso da Escola Municipal Professor Motta Sobrinho, no Teatro Procópio Ferreira, em Duque de Caxias, RJ. É graduada em Letras pela Universidade Estácio de Sá. Fundou a página Poesia Pulsante, no Facebook, em 2010, chegando a ultrapassar o número de 170 mil seguidores. Participou da I Edição da Festa Literária das Periferias (Flup Pensa), em 2012, na qual teve seu primeiro texto publicado: “Tatuagem Secreta de Paula Rosa”.

Participou de saraus e batalhas de poesias (Slams) no Rio de Janeiro até o final de 2017 e Saraus em Dublin, em 2018. Tem poemas publicados pelas revistas: Gueto (2016) e Philos (2017). Participou com outras poetisas da Antologia Poética Mulheres Reais - Linguagens Plurais (2017) e da coletânea Cadernos Negros – vol. 43 (2021). Recebeu menção honrosa pelo curta-metragem “Comunidades Afrodescendentes”, apresentando a poesia “Ser livre” através do programa IberCultura Viva, da Unesco, em 2018.

Teve a oportunidade de realizar o sonho de um intercâmbio em janeiro de 2018, deixando o Brasil para estudar Inglês na Universidade Griffith College, em Dublin, Irlanda, onde estudou por um ano e onze meses. Em dezembro de 2019, mudou-se para Nova Iorque, Estados Unidos, onde dedica, atualmente, a maior parte do seu tempo à literatura. 

Obrigado pela sua visita

Antes de nos deixar, subscreva a nossa newsletter e fique sempre informado sobre os nossos livros.