Ana Cota

De corpo inteiro Ana Cota é uma mulher.

Como qualquer Ser Humano busca saber de onde veio, quem é, para onde vai. Entende essa busca como um processo que define a vida.

Pode dizer-se que, geograficamente veio de Alcanena, temporalmente surge em 1974. Acrescenta-se que estudou, trabalha e que vive perto da sua terra natal. Pode adivinhar-se que o raio espácio-temporal em que se move é reduzido para o que tem para expressar.

É uma mulher que vive de âmago, que o expressa. Que este, de tão essencial, só pode ser diverso. Que este se desdobra em temas, em termos, em perspectivas. Por isso mesmo, o que expõe carece da dissecação de quem lê.

Que quem lê avente interpretações, conjecture origens, encontre o seu próprio âmago.

Que acolha e cative uma mulher que se quer conhecer, dando-se a conhecer…

 

Obrigado pela sua visita

Antes de nos deixar, subscreva a nossa newsletter e fique sempre informado sobre os nossos livros.