Joaquim Machoqueira

Meu pai é Artur Maurício Machoqueira
e minha mãe Arminda Marques Luis
e na Terra Preta, Montargil, Portugal quis Deus(a) que eu nascesse, não na Machoqueira.

Terra preta, terra de horta, muito trabalharam meus pais para me livrarem de seus ais, eu não ficar com coluna torta.

Por causa dos estudos à guerra não fui e se da enxada me livrei
do Ministério da Agricultura não, onde muito tempo a «servir» fiquei.

Pregador fui, pregador não sou, eterno estudante sou. Meu pai, terno,
me dizia até que meu pensar
era só estudar! Mas gosto de cozinhar!

Casei, tenho um filho, nora e netas,
Sou vegetariano, fui operado ao coração, Não faço milagres, creio em Deus(a) PAIMÃE com toda a devoção!

Não creio em sacrifícios, creio no carma e na reencarnação, creio até que posso ter sido rei, cigana de grande bailação!

E agora sou isto: um teu igual,
Um milagre de Deus(a), pais, cirurgião Arruda Pereira, eu, Dr. Paulo de Setúbal... Que sabe o que é o pecado original.

Obrigado pela sua visita

Antes de nos deixar, subscreva a nossa newsletter e fique sempre informado sobre os nossos livros.