Manuel Inácio Ferreira Anta

Como jornalista, correspondente e cronista, Manuel Anta percorre ao longo da sua carreira profissional diversos órgãos de Comunicação Social: Politique-Hebdo, Expresso, Diário de Lisboa, Libération, Le Matin, Agence France-Presse, Semanário, Liberal, Revista Sábado, Rádio Comercial, Radiotelevisão Portuguesa (RTP1), Radiodifusão Portuguesa (RDP), Revista Valor, Capital e Portugal Empresarial. Também exerce durante 18 anos a profissão de formador de jornalistas, na Europa e em África.

Como membro ou presidente, integra na década de 90 os júris dos mais destacados prémios nacionais de jornalismo de Portugal: Cupertino de Miranda, Clube de Imprensa e Fundação Luso Americana para o Desenvolvimento. Nesta Fundação dirige durante dez anos o Gabinete de Comunicação e cria bolsas de estudo destinadas ao aperfeiçoamento de jornalistas portugueses em várias universidades dos Estados Unidos da América, nomeadamente em Nova Iorque, Washington e Boston.

Historiador pela Universidade de Paris VIII, Manuel Anta reside no Estado de São Paulo, no Brasil. Depois de lançar em 2011 o livro de poesia “Em Nome de Eros” (Corpos Editora, Porto), publica agora o seu primeiro romance, “O andarilho e o manequim”.

Obrigado pela sua visita

Antes de nos deixar, subscreva a nossa newsletter e fique sempre informado sobre os nossos livros.