Mlumbelwa Mkelelwa

 MLUMBELWA MKELELWA é meu nome. 30 minutos antes de 1 de julho, na noite de uma segunda-feira de 1997, numa família composta por 6 irmãos biológicos, 4 meios-irmãos do lado do pai e 4 do lado da mãe, nasci.

11 anos tinha eu quando se apagou a luz da vida que no meu progenitor, bri­lhava. Tendo sido muito próximo, dele, na solidão me afrouxei. Minha famí­lia, abandonada pela família paterna e estando longe da família da mãe, com quem desabafar não tinha, encontrei como únicos amigos sinceros que me entendem e compreendem, o lápis, a folha e a borracha. Nos lençóis da mi­nha cama senti um abraço sincero e en­tão no meu quarto me fechei e no meu mundo acampei. Entre linhas exprimo o desabafo da alma, a paz e serenidade em mim estabelecer, com o fim de me encontrar.

Esse será para mim o meu primeiro livro que convosco lágrimas partilho com esperança de sorrisos recoltar. Nas noites em branco, onde tristeza, solidão, depressão e angústia predominam nos pensamentos que, por vezes, superam o meu sono, entre linhas desabafo com esperança de que a vontade, cuja minha determinação reflete, supere o medo.

Obrigado pela sua visita

Antes de nos deixar, subscreva a nossa newsletter e fique sempre informado sobre os nossos livros.