Nicole Sigaud

Na alcateia seu nome de criança era Wepwawet. Com os humanos, seu nome de monstro era An-Pu. Mas nós só lembramos de seu nome como um deus: Anúbis. An-Pu, o deus mais carismático e popular do Egito, amadureceu pelo sofrimento e pela observação do mundo. Tornou-se o julgador dos mortos após a guerra de unificação do Baixo e Alto Egito, sob o reinado de Narmer, o lendário Rei-Escorpião. O Papiro de Wadjet é novela de Nicole Sigaud, que mergulha o leitor no mundo fantástico da gênese do deus Anúbis. Do surgimento do meio-humano adotado com uma alcateia na Índia, até sua elevação ao mundo dos mortos por meio da tutela de um djinn.

Obrigado pela sua visita

Antes de nos deixar, subscreva a nossa newsletter e fique sempre informado sobre os nossos livros.