Porventura Correia

Nasceu em Portimão no século passado, no ano de 77, mas foi na aldeia de Ferragudo que cresceu na vida. O gosto da escrita assomou-se na adolescência e não mais o largou. Foi escrevendo poesia, estórias, artigos de reflexão enquanto estudou na Escola Secundária Manuel Teixeira Gomes, em Portimão e, depois, na Faculdade de Letras, na Universidade de Lisboa. De professor de História a contador de estórias vão uns poucos passos que a sua imaginação colorida não se cansa de dar.

Obrigado pela sua visita

Antes de nos deixar, subscreva a nossa newsletter e fique sempre informado sobre os nossos livros.