Chonta - O pecado
€13,00   Papel €5,00   Ebook

Chonta - O pecado

Sinopse

Este livro é um romance erótico.  O diálogo entre uma mãe (madrasta) culta e experiente e o filho (enteado) muito inteligente. A mulher procura mostrar, por todos os meios, as virtudes do amor, da educação, da moral e dos bons costumes. Ele, porém, não aceita certas convenções estabelecidas pela sociedade em que vivemos, e discorre, com conhecimento de causa, as mentiras e a hipocrisia do mundo civilizado. Vejamos algumas delas:

 Primeiro: ─ A sociedade humana move montanhas para proibir o uso de outras drogas, porém, não proíbe o uso do álcool, que é uma droga poderosa.

 Segundo: ─ As leis são boas para os que têm bens e ruins para aqueles que não têm. Servem para aumentar os encargos dos fracos e acrescentar poder aos fortes. Foram as leis que destruíram a liberdade natural dos seres humanos. Todos os homens nascem livres e por toda parte estão hoje escravos, graças à lei. 

 Terceiro: ─ A Bíblia recomenda:

Tudo o que tua mão achar para fazer, faze-o com o próprio poder que tens, pois não há nada depois da morte. (Ecles. 9:10).

 Quarto: ─ Alguma coisa está errada na religião vristã. Jesus declarou, com suas próprias palavras, que foi enviado a este mundo para salvar somente o povo judeu. Senão vejamos:

“Eu não fui enviado senão às ovelhas perdidas da casa de Israel”. (Mateus, 15:24).

 Quem é a “Casa de Israel?” É o povo judeu... As tribos que trazem os nomes dos filhos de Jacó...

“Eu não fui enviado senão às ovelhas perdidas da casa de Israel”.  São palavras proferidas por ele.

 Quando encontrou a mulher samaritana no poço, disse-lhe:

A salvação é dos judeus”. (João, 4:22).

 

Uma carta foi enviada ao Papa Francisco, perguntando:

“Estamos sendo iludidos durante dois mil anos”?

 

 

Obrigado pela sua visita

Antes de nos deixar, subscreva a nossa newsletter e fique sempre informado sobre os nossos livros.