Metade de Mim
€9,00   Papel

Metade de Mim

Sinopse

Um dia pensei em escrever.
Escrevi como um menino começa a escrever um dia. E as palavras pareceram-me então sem sentido. E por muito tempo assim permaneceram.
Com receio do que outros pudessem dizer, assim como nem querendo acreditar que estas pudessem a mim mesmo significar algo, apenas as escrevia, guardava-as por algum tempo e ao lixo eram endereçadas.
Mas o tempo passou e, amadurecido por este mesmo tempo, mas indelevelmente rejuvenescido por sentimentos sinceros e, às vezes nem tanto, pretensamente, permiti-me acreditar. Acreditei tanto que crônicas, contos e até poemas e poesias começaram a aflorar-me de forma contínua e até mesmo como êxtase, aliviando-me em momentos de solidão, agonia, melancolia, tristeza e, porque não também, homeopáticos momentos de felicidade.
Assim revigorou-me também a vontade de ler. Li tantos quantos foram os livros que outrora me pareciam inócuos e sem sentido, como que querendo olhar novamente um quadro abstrato e que nada significaria a seu autor.
Mas como “nada ocorre por acaso”, continuei pensando em escrever e continuei escrevendo, escrevendo, escrevendo...
Eis-me então em metades. Metades vividas, metades sentidas. Metades óbvias ou não. Metaforicamente, metades.
“PORQUE METADE DE MIM TODOS CONHECEM. A OUTRA, NEM EU”

Obrigado pela sua visita

Antes de nos deixar, subscreva a nossa newsletter e fique sempre informado sobre os nossos livros.