Sobrado de Paiva Medieval
€14,00   Papel €3,00   Ebook

Sobrado de Paiva Medieval

Sinopse

“VILLAS“ MEDIEVAIS

Ano de 1066

Nos nominibusgarseamonninizetconjugemeajelvira…facimus a vobisnutu dei garsearextextusscriptureetkartulabenefactisetplacitosfirmitatis de omnesnostrashereditatesquicquidvisisumushabere de aviorumparentorumatquecomparatorum…Itsunt…in terra de Pavia villagondin,villasoberado,villa rial etvillagelmir…in durioat de alarda in Pavia”.

(“Diplomata etChartae”, documento 451 de 1066)

“Nós de nome Garcia Moniz e minha esposa Elvira fazemos a vós Rei Garcia (filho de Fernando Magno rei de Leão que conquistou Lamego, Viseu e Coimbra aos Mouros) escritura e carta de benefícios de todas as nossas propriedades que temos de avós e de parentes, as quais jazem na terra de Paiva, a vila Gondim, a vila Sobrado, avila de Real e vila Gelmir, no Douro, acima do Arda, em Paiva.

Ano de 1070

Quatro anos depois, o Rei Garcia, da Galiza, doa estas mesmas propriedades, (onde se incluem as da freguesia de Real, também na terra de Paiva) a D. Afonso Ramires (AdefonsoRamiriz), como recompensa por serviços prestados:

Ego garsia gratia dei rexfiliifredenandiimperatorisetsanctia regina Tibi fidelemeoadefonsoramiriz in dominodeoheternamsalutemamen. ...placuitmihi ut facerem a tibi adefonsoramiriztextumscriptureetkartulafirmitatis…de illa parte doriovillagundin, villasuperato, villagelmiriz..etvilla rial…”

(“Diplomata etChartae”, documento 491 de 1070)

Obrigado pela sua visita

Antes de nos deixar, subscreva a nossa newsletter e fique sempre informado sobre os nossos livros.